19 de outubro de 2007

It's Oh so quiet

Bjork

1 comentário:

Ch disse...

Caríssima Ana;
Wis-me de volta ao Hálito para mais uma visita.
Quero dizer-lhe que achei soberbo o poema Paraíso, do David Mourão- Ferreira. Versos de uma rara beleza. E eu não o conhecia...
Por fim, o que dizer das imagens? Continuam belas como sempre, a denotar - além dos méritos dos seus autores - o seu bom gosto em escolhê-las e reuní-las aqui, para deleite dos seus visitantes.
Sou-lhe grato.
Abraços do
Carlos