6 de março de 2008

england [in a graceful manner]

partiste, em dia que vai longe, e a metade
do coração que deixaste comigo,
emudeceu, ao se criar um visgo,
em cima da fissura antiga.

deu-se, afinal, como se repetisse
a mística de quem erra,
o meu exílio, aquela sonolência
eterna e quase indivisível.

que é estar sozinho,
com o oceano, às vezes longo muro,
e outras como abismo.



Carlos Henrique Leiros
do blog Almofariz

Sem comentários: