15 de setembro de 2006

Fragmento de...

O Amor nos Tempos de Cólera de Gabriel Garcia Márquez

"O comandante olhou para Fermina Daza e viu nas suas pestanas os primeiros pingos de um orvalho de Inverno. Depois olhou para Florentino Ariza, o seu domínio invencível, o seu amor impávido, e ficou assustado pela suspeita tardia de que é a vida, mais que a morte, que não tem limites."

Sem comentários: